Desfralde Tradicional X Desfralde com Higiene Natural

December 6, 2017

 

 

Vamos falar de desfralde? Em primeiro lugar é preciso pensar que o desfralde precoce não é recomendado por inúmeros fatores. Contudo, especialistas divergem com relação a essa precocidade! Ou seja, quando o desfralde é precoce? Antes dos dois anos ou antes dos três anos? Há unanimidade na presunção de que é precoce antes de 1a8m.

Se uma linha de profissionais considera que a criança só tem controle esfincteriano (capacidade de segurar xixi e cocô) por volta dos 04 anos e outra linha considera que o controle ocorre quando a criança é capaz de pular com os dois pés ou subir escadas, antes disso qualquer tentativa de desfralde seria precoce? 

 

Desfraldar pode ser um processo muito traumático que, embora o bebê não tenha frustração aparente, as consequências podem surgir a curto, médio e longo prazo. E os problemas podem se apresentar de diversas maneiras como através da enurese noturna (xixi na cama), constipação fecal (dias sem fazer cocô), incontinência urinária (incapacidade de controle do xixi) e muitos outros como, por exemplo, o caso de pessoas que já na vida adulta não conseguem fazer cocô fora de casa e sempre que viajam sofrem com intestino preso por dias ou das crianças que já desfraldadas para o xixi diurno e noturno fazem cocô somente om a fralda.

Sim, tudo isso são questões que precisam ser consideradas, são consequências de desfraldes precoces e/ou traumáticos, consequências de uma má construção da relação com os excrementos corporais.

Desfralde é coisa séria! Se for mal encaminhado ou forçado gera problemas de ordem emocional, psicológica e física. Por isso, analise com carinho para proporcionar o melhor ao seu bebê! Estude e escolha a melhor técnica para guiar esse processo no seu lar.

 

 

O desfralde tradicional está fundamentado numa relação vertical onde os pais decidem quando chegou a hora e exigem da criança uma capacidade que ela não possui. Conforme a imagem acima relata, nesta configuração o bebê:

 

*fica sem fralda - e aí está um dos principais problemas, pois ninguém vê pelo lado dele que por toda a sua vida fez xixi e cocô na fralda, daquele jeito, sem intervenções ou auxílios, ao contrário, com dificuldades pelas quais ele aprendeu a vencer e, do nada, resolvem lhe tirar algo que é entendido como parte de si; 
*ganha recompensa - outro erro, afinal, não faz sentido presentear uma criança porque ela evacua, sendo isso um processo fisiológico. Assim como não devemos dar prêmios quando nosso filho come a comida, respeitando sua demanda alimentar, não podemos parabenizar e dar prêmios pelo cumprimento de uma "tarefa" fundamental para o funcionamento do corpo.
*recebe sermão - mais um absurdo, xingar ou brigar com um bebê em desfralde só porque ele errou o lugar de fazer, ainal, você acabou de determinar esse novo "lugar de fazer";
*tem muitos escapes - isso é muito esperado porque o bebê não teve tempo para esse aprendizado e seus esfincteres são imaturos, além do fato de que nunca foram utilizados conscientemente;
*faz xixi na cama - faz porque precisa fazer, simples assim! Não existe um botão que desliga a bexiga no período noturno, o que existe é uma consciência corporal capaz de, com o tempo eliminar mais urina em cada oferta e assim aumenta o tempo entre uma necessidade de urinar e outra. Devemos atender o xixi noturno tal qual atendemos o diurno.
*sente vergonha - isso acontece porque o bebê é constantemente cobrado, pressionado, obrigado a "conversar" sobre isso, exposto e muitas vezes o processo de desfralde é extremamente vexatório, como os desfraldes coletivos feitos nas creches.
*segura muito tempo ou não segura - também é normal, pois a criança testa suas próprias capacidades, porém, como já dito, ela não tem treinamento esfincteriano, ela não tem conhecimento das suas demandas corporais de evacuação, pois, por toda sua vida evacuou sem qualquer ajuda ou liberdade, mudar de uma hora pra outra gera dificuldades.

*problemas com cocô - esses são dos mais variados, desde os casos em que as crianças já desfraldadas só fazem cocô com a fralda ou ficam dias constipados, muitos cocôs ao dia, medos, dores, etc.
*muita sujeira - sim, pois numa casa onde uma criança que sempre usou fraldas de repente fica sem elas, vai ter xixi e cocô por todos os lados e isso não é nada salutar para ningém, nem pra criança que se suja, nem para quem limpa, fazer a criança limpar é ainda mais traumático;
*mãe se estressa - são muitas roupas, panos, tapetes, lençóis e toalhas para lavar, são muitos escapes em diversas situações, são muitos quebra cabeças para a mãe resolver, porque infelizmente os pais ainda hoje nem são capazes de responder se os filhos fizeram cocô.

 

 

Conforme já disse antes, é muito difícil, ou praticamente impossível encontrar estudos que falem especificamente sobre HN ou Elimination Communication (EC). Consigo elencar como razões alguns fatores, um deles é o fato de que a HN é uma prática tão antiga quanto a humanidade, sendo comum, corriqueira, tranquila e parte das vidas e rotinas.de diversas comunidades de diferentes países do mundo.

Outro fator que impede as pesquisas é o fato das fraldas descartáveis estarem disponíveis em livre acesso no mercado há pouquíssimos anos e, portanto, é mais fácil encontrar pesquisas sobre o uso delas do que sobre o não uso.

Sobre o uso encontramos estudos nos mais variados temas e nas mais variadas disciplinas, são ensaios com relação à alergias, infecções do trato urinário, processo industrial/químico, descarte e dados estatísticos sobre os materiais, além dos comuns em áreas como psicologia, urologia, pediatria, pedagogia, neurologia, etc.

Sobre Higiene Natural (no livro do Bebê sem Fralda você poderá ler os estudos pertinentes) preciso repetir inúmeras vezes até que fique claro: NÃO é desfralde, nem visa o desfralde. Neste ponto, sabemos que o desfralde precoce não é recomendado, porém já existem estudos que refletem que o desfralde tardio também seja maléfico para o bebê. E o que seria precoce ou tardio no que diz respeito ao desfralde?

 

Questões a observar:

# Há controvérsias sobre o que é precoce. De 1 a 2 anos? De 2 a 3 anos?

# Desfraldar um bebê pode ser estressante, cansativo e traumático para os pais e, principalmente, para o bebê;

# Estudo (solicite que eu envio) comprovou que desfralde tardio também é negativo, gerando como uma das consequências a incontinência de urgência. 

# Praticar Higiene Natural é recomendado no sentido de fazer uma transição lenta para o desfralde;

 

Bom, precisamos pensar que estes estudos analisam casos de crianças que foram fraldadas. Elas tiveram o hábito das fraldas incutido nelas. Por certo que vai ser um grande transtorno retirar esse hábito depois. Envolve fatores de cunho emocional, psicológico, afetivo e físico. As fraldas são um apego, um costume, uma parte de si.

 

** Para exemplificar. Os pais decidem da noite para o dia que chegou a hora do desfralde e este desfralde pode estar sendo precoce, o que é contraindicado. Justamente porque não se sabe quando de fato é precoce. Entretanto, os pais quando resolvem desfraldar, esperam resposta dos filhos. Querem gratificar. Ficam nervosos. Querem cobrar das crianças. Se perguntam se os filhos têm algum problema. E o maior problema está nisso: esperar que as crianças aprendam a se desfraldar quando, na verdade, quem precisa aprender a desfraldar os filhos, são os pais! Os pais fraldam, os pais desfraldam!

 

Por isso, mais uma vez a HN se apresenta como vantagem já que as fraldas não se tornam hábito para o bebê. O hábito para um praticante de HN é se comunicar com seus cuidadores e ser atendido no momento das evacuações. Portanto, o bebê guiará o seu desfralde, de posse do conhecimento do próprio corpinho, desde sempre.

É por isso também que eu indico a HN para o desfralde visando dar primeiro consciência corporal ao bebê sem esperar dele uma atitude, substituindo assim o desfralde tradicional que visa apenas um treinamento, e permitindo aos bebês que antes de tudo venham a conhecer aquilo que lhes foi ocultado por todo esse tempo, ou seja, seus xixis e seus cocôs.

A HN pode ser praticada por bebês de qualquer idade e vai trazer inúmeros benefícios. Então tudo isso que vocês já leram sobe desfralde com música, com adesivos, com festinha, com premiação e levando o bebê o tempo todo no banheiro, deixando sem fralda urinando nas pernas e no chão. NÃO! Esqueçam! Pratiquem higiene natural.

É preciso abrir a cabeça para pensar de uma forma mais abrangente, entendendo que fraldas são aquisições modernas e inventadas para que os pais e cuidadores não se sujem e que as evacuações são necessidades fisiológicas tais quais a fome, o sono ou a sede. Mas, a nossa cultura ocidental não nos deixa nem pensar na ideia de bebês sem fraldas e para facilitar nossa vida, devemos praticar HN ou realizar o desfralde usando elas, por isso, com o desfralde apoiado por esta técnica o bebê:

 

*fica com fralda - pois os cuidadores compreendem que as fraldas fazem parte da vida do bebê e ele precisa passar por outros processos de reconhecimento antes de sua retirada total;
*sem recompensas - porque não é um campeonato, é obrigação dos pais e cuidadores atenderem as necessidades fisiológicas dos bebês, nelas estão o xixi e o cocô, não há recompensas para o atendimento correto das evacuações, exceto a alegria de ver o seu rebento em segurança e com dignidade;. 
*sem sermão - porque não se xinga aquilo que deve ser rotina, que deve ser reconhecido como natural, não há certo nem errado num desfralde guiado pela HN, há somente o que está dando certo e sendo positivo para o bebê em primeiro lugar;
*poucos escapes - porque os pais e cuidadores aprendem a identificar os sinais de evacuação dos bebês e assim, ficam atentos e levam-nos ao local destinado para isso
*xixi noturno no penico - porque a bexiga é um órgão inteligente e se houver xixi para fazer, ela vai liberar, então, o xixi noturno deve ser atendido também (com o tempo para de existir); 
*sente segurança - sim, pois está aprendendo a (re)conhecer os sinais que seu corpinho dá e está sendo acolhido e atendido por seus cuidadores;
*tem consciência corporal - a melhor parte do desfralde guiado pela HN, pois não adianta esperar atitude de um bebê que desconhece o corpo, mas com a HN antes do desfralde, damos consciência aos nossos filhos;
*cocô tranquilo - há o estabelecimento de uma ótima relação do bebê com o seu cocô e com a captação há o regramento da rotina, o organismo vira um reloginho e a caca é feita com tranquilidade e acolhimento; 
*sem sujeira - sim, pois ao deixarmos a fralda onde sempre esteve, além de respeitarmos o tempo do nosso bebê, estaremos mantendo ele e a casa limpos, sem estresse e sem constrangimentos; 
*mãe em paz - aquilo que mais buscamos!!

 

Claro que eu tenho muito mais a falar sobre o desfralde e por isso o próximo livro vai abarcar este assunto, mas, por enquanto, conto com vocês para o envio de dúvidas e para a criação das próximas postagens do blog.

 

Precisamos ver o desfralde pelo viés dos bebês!!

Precisamos mudar a forma de desfraldar!!

Adquira o livro sobre Higiene Natural para compreender melhor o assunto.

Contribua com esse projeto!

Acesse agora mesmo o site: 

www.bebesemfraldabrasil.com/e-book

 

Está com dificuldade para desfraldar ou praticar Higiene Natural? 

Contrate agora mesmo uma consultoria!

Entre em contato pelo email fernandadumkepaz@gmail.com !!

 

 

Fernanda Paz

 

 

#bebesemfralda #higienenatural #eliminationcommunication #desfraldecomhn #desfraldeativo #desfraldeguiadopelobebe #criaçãocomapego #criaçãoneurocompatível #evidênciascientíficas #humanização #parto #pregnancy #gravidez #aleitamento #fralda #fraldadescartável #fraldadepano #bumbumdepano #bebeecológico

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O bebê não avisa sempre que precisa fazer xixi. Entenda...

March 3, 2018

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags